sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Poesia a alguém que amei

Nota pré-textual: Poesia antiga mas que vez ou outra me parece bem atual. O "objeto" de inspiração foi o mesmo de Olhos Azuis: um tal galego de biologia que conheci nos corredores da UFS quando ainda era caloura (há milênios atrás). Não cheguei a amar com todas as letras. Mas me rendeu alguns versos. Espero que gostem.
Ah! E desculpa àqueles que estão cansados de me ler escrevendo sobre sentimentos, mas é que eles estão à flor da pele... sempre.


Se pudesse voltar no tempo,
Não mudaria um segundo,
Apenas aproveitaria cada momento,
Como se fosse único.

Prestaria mais atenção em ti,
E aproveitaria cada instante,
Que nos falávamos sem falar,
E apenas pelo olhar,
Conversávamos nos corredores,
Ou no meio da multidão.

Não mudaria nem mesmo a verdade.
Nem mesmo o fato de você não me querer eu trocaria,
Porque nada acontece por acaso.

Seus olhos azuis e seus cabelos dourados,
Ensinaram-me uma lição,
Que ainda não aprendi,
Mas que certamente entenderei no futuro,
E serei grata enfim...


(Grazielle Santos Silva)

6 comentários :

Cacá BH disse...

oi grazi...
nunca me canso de ler versos sobre sentimentos...
continua, que tá ótimo...
ah, quem nunca esteve encantada com um loiro que atire a primeira pedra...
lindos versos....

Ty, o de sempre disse...

nusssss! caprichadissimo! ei ei ei! nunca deixe de expressar teus sentimentos por nada e muito menos por ninguem! fale o que te der vontade..e lembre-se: o blog é teu! quem manda aqui é vc! beijos, neguinha.
;)

Juliana G. Mello disse...

Aaah, por mim pode postar milhões de versos sobre amor, frustações, enfim... Todo tipo de sentimentos.

Meus "amores" tb renderam uns versos... e olha que ainda tenho muito chão pela frente hein! hehehe

Muito bom as pessoas se expressarem atráves das palavras e depois de um tempo lê-las, assim, sem compromisso...

Beijinhos, Grazinha! ^^

Thito disse...

Galego de olhos azuis na bio... não me lembro desse.
Huhauhauah
Estou aqui retribuindo as visitas e os comentários.
Que bom que você começou a prestar atenção no CA. Seria legal se todo mundo pelo menos uma vez resolvesse participar um pouca da vida do CA pra entender como acontecem as coisas por la.
E quanto nao ter trabalho... se for pra acordar cedo, eu prefiro trabalhar que ficar em casa. Me da muita raiva.

Beijos

SAMANTHA ABREU disse...

como assim "não falar de sentimentos", menina?!
hehehehee

eles são a poesia prática.
Não dá sem eles.

Beijos.

Gilvan disse...

como diria Vinicius:

"Que me perdoem se eu insisto neste tema. Mas não sei fazer poema ou canção Que fale de outra coisa que não seja o amor".

Comente com o Facebook:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...