sexta-feira, 12 de outubro de 2007

Chance

Um anônimo deixou um comentário: "Sempre existe uma chance, sempre". Pensei na sentença. Acho que chance é nosso bote de salvação nesse marzão de desencantos que vez ou outra inunda nossa vida. É o que nos faz respirar a cada dia. A chance de mudar de vida, de arranjar um bom emprego, de comprar um carro, de arranjar um novo namorado. A gente não se cansa de colecionar chances, de todas as formas, tamanhos e cores. Enfim, uma coleção que nunca acaba e que está sempre por completar. E ganhar uma chance e aproveitá-la bem é a melhor coisa que existe.

4 comentários :

Mirelle disse...

Chance...
É sempre bom tê-las, mas o mais importante é saber desfrutá-las!

Ty, o convicto disse...

chance? pra mim é como a oportunidade...dificil de se identificar quando ela aparece...e cuidado pra não deixar passar...tu vai lamentar muito! ;)

Claudio Mattos disse...

Longe de confundir o “eu lírico” com o do “escritor”, faço destas palavras as mais genéricas possíveis, anda sim, condizentes com meu único eu, sincero e passível de julgamentos.
Chance, oportunidade, etc... Não consigo enxergá-la como algo que se possa colecionar, apenas utilizo estes momentos como uma realidade transitória, invocando todas as forças para talvez mudar o chamado destino. Poucas vezes me dei ao luxo de utilizá-la para mudar uma ocasião pré-determinada, porém, acho válida a atitude, ou melhor, coerente e fundamental na vida de qualquer ser.
Para muitos, a chance só se revela após árdua batalha, pois, são conquistadas a pau e pedras (acredito que me incluo nesta categoria). Acho que quem sabe o que realmente deseja faz seu momento de glória. Algumas vezes tudo pode parecer distante ou impossível, mas, a persistência é a melhor arma dos vencedores. Nada melhor do que um dia após o outro...

Tainã Alcântara disse...

Chances... nunca tinha pensado em colecioná-las.

Boa ideia!

Comente com o Facebook:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...