quinta-feira, 8 de março de 2012

Afinal, somos mulheres

poster do filme Erin BrockovichA todas as mulheres

Mulheres são extremos. Entre 8 e 80, o meio termo não é uma opção. Tão comum querermos desesperadamente comer uma barra inteira de chocolate e depois sentirmos a maior culpa por qualquer meia caloria conseguida com o pequeno pecado. Passamos horas resolvendo o problema dos amigos e não achamos tempo para resolver nossos problemas. Conseguimos fazer uma economia incrível nas compras do mês só com pesquisa de preço, e também somos capazes de gastar o dobro do programado numa ida ao shopping. Gostamos de ter milhões de sapatos. Não gostamos de gastar nossos sapatos em qualquer lugar. Viramos a noite para mostrar competência no trabalho e nos estudos. Perdemos horas em clínicas de estética para sumir com nossas olheiras. Qual de nós nunca desejou ardentemente um caso intenso sem compromisso e sentiu-se mal por não receber ligações no dia seguinte? Aceitamos relações modernas. Adoramos receber flores. Damos o primeiro passo. Não gostamos quando não somos cortejadas. Não queremos mais um príncipe lindo chegando num cavalo branco. Sonhamos ter ao nosso lado um homem gentil, bem cuidado, companheiro na luta contra os dragões que aparecem em nossas vidas e que no fim do dia nos cubra de beijo, tire o nosso fôlego e, entre afagos, nos chame de “minha princesa”. Planejamos casamento, família feliz e ao mesmo tempo corremos atrás da independência de tudo e de todos. Enfim, somos um emaranhado de desejos, conquistas e ações super complexas. No entanto somos bem simples e nem precisamos de um manual de instrução: carinho, atenção e paciência já nos conquista por inteiro, afinal, somos mulheres.


(Grazielle Santos Silva)


*Pôster do filme "Erin Brockovich - Uma mulher de talento".

9 comentários :

Welton Nogueira disse...

Como eu passei a vida todinha com 3 mulheres em casa, sei mais ou menos como elas são. Mas existe uma porcentagem de mistério nelas.

Rebecca Agra disse...

Amei o texto! Principalmente a descrição do "Príncipe" Rsrsrsrsrs!

XD

Pétala disse...

Grazi, acho que vc resumiu bem. Há mesmo nas mulheres modernas essa mistura de desejos. Às vezes, desejamos o cortejo, e às vezes queremos um príncipe que não nos salve, mas que lute junto conosco. Agora, já podemos ter nosso próprio cavalo, e salvar o príncipe em horas de perigo também. Mas continuamos sendo da antiga, quando descobrimos que, ao final do dia, queremos ser a dama que é trazida no colo, pelos braços fortes do cavalheiro, a nos cobrir de beijos. Na verdade, é tudo muito simples. O mistério sempre some depois que alguém os enfrenta.

Beijos e pétalas.

Dany disse...

Grazielle!
Esse foi o melhor q já li no seu blog!
Simples e irretocável!
Diz simplesmente tudo q somos! Ao menos que o "somos" inclua eu e vc neh? kkkkk

Te adoro, neguinha! ^^

:**************

meus instantes e momentos disse...

muito bom o texto.
Gosto daqui.
Maurizio

Janaina Rochido disse...

Own, que lindo! Adorei!

Adamo Alighieri disse...

Todas as mulheres deveriam ler esse texto e todos os homens captar sua essência.

Ótimo texto!

Rebeca Rocha disse...

Pra gente é tão simples, né? Pros homens deveria ser também. kkkk
Beijos, linda!

Amanda disse...

Somos assim mesmo! Arrasou, Grazi!

Comente com o Facebook:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...